Notícias


Queimados realiza roda de conversa em alusão ao Agosto Lilás

Encontro debateu os tipos de violência contra as mulheres. Cerca de 50 pessoas participam da iniciativa

23/08/2022 00:00

SECRETARIA MUNICIPAL DA TERCEIRA IDADE

O município de Queimados diz não à violência contra a mulher. E para marcar este posicionamento, a Prefeitura, por meio das secretarias municipais da Terceira Idade e dos Direitos Humanos e Promoção da Cidadania, promoveu na tarde desta terça-feira (23) uma roda de conversa no Centro de Esporte e Lazer da Terceira Idade (Celti). O evento, que reuniu mais de 50 idosas queimadenses, contou com uma palestra que abordou os tipos de violência. 

 

Participaram do encontro a secretária da pasta, Cristiane Lamarão; a primeira-dama, Cristiane Castelo Kaizer; as coordenadoras de Políticas Públicas para Mulheres, Neuza Teixeira; e do Ceam, Rosiane de Almeida. A ação é em alusão ao Agosto Lilás – mês dedicado a prevenção e combate a violência contra as mulheres – e em comemoração aos 16 anos da criação da Lei Maria da Penha, que define formas para coibir, enfrentar e punir os atos violentos.


Durante a palestra, a coordenadora do Centro Especializado de Atendimento à Mulher Queimados (CEAM), Rosiane de Almeida, destacou não apenas a representatividade da Lei Maria da Penha, mas a luta pela sua criação. “Essa norma judicial é fruto de luta do movimento feminista brasileiro e um importante instrumento para o combate à violência contra a mulher. E aqui estamos elucidando os tipos de violência para que possamos formar uma rede de apoio”, disse.

Já a secretária municipal da Terceira Idade, Cristiane Lamarão demonstrou que a gestão municipal está comprometida no combate a violência contra a mulher. “A assistência social atua com uma rede de apoio junto à Secretaria Municipal de Direitos Humanos e o Ceam para inibir qualquer tipo de violência, além de prestar suporte às mulheres que procuram ajuda. Estamos juntas nessa luta”, destacou.

NO COMBATE A VIOLÊNCIA

O Ceam Queimados está localizado na Rua Ministro Odilon Braga, 26, Centro. O espaço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e presta acolhimento social e psicológico, orientação e encaminhamento jurídico à mulher em situação de violência. Desde a implantação do equipamento na cidade, mais de 11 mil casos foram registrados e atendidos por uma equipe técnica de assistentes sociais, psicólogas e advogadas.

 

Últimas Notícias

keyboard_arrow_left
    

Beneficiários receberão mensalmente dois pacotes de leite por cada morador que se encontre no perfil do projeto

População pode apresentar sugestões para diversas áreas até o dia 26 de setembro

Campanha visa melhorar a educação ambiental dos alunos do município. Alunos e professores serão premiados ao fim da arrecadação

Mais de 800 pontos já receberam a iluminação com lâmpadas led

A unidade terá médicos especialistas e regulação com marcação de exames e consultas, de segunda a quinta

Serviço irá funcionar de segunda a sexta-feira, a partir das 4h30 da manhã, no Centro

Refúgio Acolhedor vai atender 50 pessoas e garantir alimentação, higiene e reinserção social

Documento permite desconto de 50% e 100% para público da terceira idade

    
keyboard_arrow_right
RUA HORTÊNCIA, N° 254
CENTRO - QUEIMADOS/RJ
TEL: (21) 2665-2206
E-MAIL: chefiadegabinete@queimados.rj.gov.br
Facebook   Instagram

Siga-nos nas redes sociais