Prefeitura de Queimados - Mais Trabalho e Novas Conquistas
Facebook   Instagram   Youtube   Flickr   Blogspot

Noticías


Medidas de prevenção ao câncer ocupacional são debatidas em Queimados

Profissionais da rede municipal de saúde participaram de capacitação promovida pela Prefeitura em parceria com o INCA

05/09/2019 17:40

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Para promover políticas públicas de prevenção ao câncer ocupacional e preparar profissionais de saúde nesta área de atuação, a Prefeitura de Queimados, em parceira com o Instituto Nacional de Câncer, deu início à capacitação “Vigilância do câncer relacionado ao trabalho e ao ambiente” nesta quinta-feira (5).

Cerca de 60 funcionários da rede municipal de saúde (entre médicos, nutricionistas, fisioterapeutas, enfermeiros, psicólogos e assistentes sociais) participaram do evento, realizado no Auditório do Centro de Esporte e Lazer da Terceira Idade. As aulas continuam nesta sexta-feira (6), para mais 70 profissionais já inscritos (entre agentes de saúde e técnicos de enfermagem).  

O município foi o segundo do Rio de Janeiro e ser contemplado com a capacitação dos profissionais de saúde. Durante a oficina, as palestrantes do INCA: Helen Souza, Barbara Geraldina, Ubirani Barros e Kátia Poça abordam temas sobre o câncer no Brasil, estatísticas de mortalidade, agentes cancerígenos no ambiente e no trabalho, além de medidas de prevenção e a importância da notificação dos casos ao Ministério da Saúde (apesar de existirem evidências científicas que exposições no trabalho podem causar câncer, o número de registros ainda é pequeno).  

De acordo com os dados do INCA, 10,8% dos casos de cânceres em homens e 2,2% em mulheres surgem em função de fatores relacionados ao local de trabalho. Quando expostos a substâncias como poeira, agrotóxicos, metais e radiações, as chances de adquirirem câncer no pulmão, na pele e na bexiga, leucemia e os mesoteliomas podem aumentar.  

Enfermeira Daiane Mesquita

Para a Secretária Municipal de Saúde, Drª Lívia Guedes, a capacitação é importante para despertar um novo olhar nos profissionais.  “Uma vez que cogitamos a possibilidade daquele paciente ter um câncer ocupacional, conseguimos o diagnóstico precoce, o que aumenta suas chances de cura. Além disso, as unidades de saúde poderão adotar medidas de prevenção e conscientização, orientando os usuários sobre os riscos que podem estar expostos”, afirmou a gestora.  

Enfermeira na Clínica da Família Pastor Robson Romero de Oliveira, Daiane Mesquita acredita que o curso é essencial para aprimorar ainda mais os serviços prestados a população. “Nem sempre relacionamos a doença do paciente com o ambiente de trabalho. Após esta oficina tenho certeza que todos aqui passaram a considerar mais essa possibilidade ao examinar atentamente os moradores que chegam à unidade de saúde”, afirmou a profissional.

Últimas Notícias

keyboard_arrow_left
    

Centenas de famílias foram contempladas pela iniciativa, que já passou pelos bairros Vista Alegre, Santo Expedito, Vila Americana, Vilar Grande e Fazendinha

Gestão municipal contemplou cerca de 100 profissionais cadastrados junto à Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, que promoverá festival de lives durante a pandemia

Caso aconteceu neste sábado (16) durante ronda no bairro Jardim São Miguel

Durante toda a semana, profissionais de Assistência Social municipal participarão de entrevistas sobre o tema na emissora comunitária Novos Rumos

Mudanças incluem dias e horários específicos para testagem e exclusão do Centro Municipal de Triagem da lista de unidades que oferecem o exame

Promovido em parceria com o Inea, programa Limpa-Rio já passou pelos rios Quebra Coco e Queimados

Com crescente número de casos confirmados, gestão municipal decide estender restrições ao comércio local por mais 15 dias e manter situação de emergência

Força-tarefa foi realizada por agentes de Segurança e Ordem Pública nesta quarta (13) e contou com apoio de policiais militares e guardas municipais

    
keyboard_arrow_right
Facebook     Twitter     Youtube     Flickr     Blogspot